PUBLICIDADE

Conheça os melhores seguros de carro em termos de custo-benefício

Recentemente, a Proteste fez uma lista considerando 12 seguradoras com o objetivo de determinar qual seguro de carros possui o melhor custo benefício atualmente. Ao fim da análise, foi constatado que o seguro da HDI ocupa esse posto não somente no Brasil, mas em diversos países da América Latina.

PUBLICIDADE

Embora de uma maneira geral o seguro supracitado tenha sido eleito o melhor pela Proteste, é importante destacar que ele não pode ser considerado o mais adequado a todos os tipos de perfis analisados pela empresa durante o seu estudo. Assim, além da HDI, a Tokio Marine e a SulAmérica também são seguradoras que merecem destaque devido a sua adequação a outros tipos de consumidores.

Antes de analisar o custo-benefício de um seguro, é importante saber exatamente o que esse termo significa. Portanto, se mostra válido destacar que o custo-benefício visa considerar o preço cobrado pelo e a avaliação recebida por um determinada seguradora em pesquisas de satisfação entre as pessoas que contrataram os seus serviços.

Para além do custo benefício, a pesquisa da Proteste também considerou outros fatores importantes. Entre esses é possível destacar a amplitude do território de proteção ao veículo, a franquia, a assistência 24h, a indenização integral, a exclusão, o bônus concedido e também a escolha da oficina.

PUBLICIDADE

O que você procura?

Selecione uma das categorias para encontrar o que procura.

Cartão sem Anuidade
Melhores cartões digitais
Cartão sem Consulta
Cartão Digital
* Você continuará em nosso blog

Quanto aos perfis de consumidores avaliados pela pesquisa, é possível apontar que quatro foram considerados, assim como quatro modelos de carros. As cotações, por sua vez, foram feitas em cinco capitais brasileiras.

Entre os traços dos potenciais contratantes foram considerados fatores como a idade, o sexo, o modelo do carro, o ano de fabricação do veículo e a sua marca. Todos esses fatores são capazes de influenciar no preço do seguro.

PUBLICIDADE

Por fim, é importante destacar que foram consideradas 330 apólices de seguro e as seguradoras participantes da pesquisa foram a Azul, o Grupo BB, o Bradesco Auto/RE, a HDI, o Liberty Paulista, o Itaú Seguros, a Porto Seguro, o Sompo, a Tókio Marine, a Zurich, a SulAmérica, a Allianz e a Azul.

Resultados encontrados 

Considerando todos esses fatores, quando a pesquisa foi concluída, foi possível perceber que os consumidores podem chegar a economizar o valor de 8 mil reais somente contratando a seguradora que melhor se adequa ao seu perfil.

Por exemplo, quando se considera um homem carioca, cuja idade está próxima aos 60 anos, que possui 22 anos de CNH e faz uso diário do seu carro – um modelo HB20 -, foi possível observar que optando pelo seguro oferecido pela SulAmérica ao invés daquele oferecido pela Porto Seguro, seria possível fazer com que a contração do serviço caísse de R$10 mil para R$1.848.

Portanto, além de avaliar mais de uma seguradora antes de fechar contrato, é importante ainda prestar atenção àquilo que o seguro não cobre antes de fechar negócio. A título de ilustração, é possível destacar que seguradoras como a SulAmérica e a Bradesco não cobrem danos como pneus danificados ou pinturas que se tornem necessárias em decorrência de um acidente.

PUBLICIDADE